(44) 9 9846 - 8412

Design Gráfico

Compartilhar:

O que é landing page? Quais seus benefícios? Quando usá-las?

Entender de marketing digital é um dos passos essenciais para que empreendedores e produtores de conteúdo consigam ser bem sucedidos em seus projetos. Possuir um site profissional tem uma importância ímpar, porém, um site por si só não consegue traduzir visitas em vendas. Daí a criação de uma landing page pode auxiliar sobremaneira para preencher esta pequena falha.

Neste artigo vamos entender em detalhes o que é landing page, sua função, os benefícios que a sua utilização pode trazer para a venda de um produto ou serviço, e principalmente, qual o momento certo para aderir essa estratégia em seu projeto.

O que é landing page

Landing page é uma página de captura, que possui um objetivo muito claro e específico: converter um leitor em um potencial consumidor de seu produto ou serviço. A landing page tem um design próprio, fácil de identificar, e que tem como finalidade um preenchimento de formulário, uma solicitação de conversa com algum consultor ou até mesmo uma venda direta de um produto ou serviço.

Assim, uma página de conversão possui uma estrutura, um design e um objetivo diferenciado do site tradicional, e devemos entender a necessidade ou não de uma empresa em criar uma landing page para o negócio. Ela, por exemplo, não possui menu de navegação, não contém ofertas diferentes na página e nem outros conteúdos para serem clicados. 

A dinâmica de uma landing page é simples e direta: ou converte ou sai da página.

Por conta desta dinâmica, as páginas de destino têm taxas de conversão muito maiores que páginas normais de sites, com links externos, menu visível e conteúdos relacionados.

Como se estrutura uma landing page

Agora que você sabe o que é landing page, vamos explicar como é formado uma boa estrutura de página de captura, com quatro elementos básicos, no geral.

  • Título e subtítulo

  • Imagem destacada

  • Descrição da oferta

  • Formulário de conversão

Título e subtítulo

Título e subtítulo possuem uma enorme importância dentro de uma landing page, pois provavelmente será o primeiro elemento a ser notado pelo usuário. Assim, quanto mais destacado ele seja, maior a possibilidade daquele usuário permanecer interessado em continuar na página.

Um bom título ajuda na primeira conversão da página, que é fazer o leitor continuar interessado no conteúdo da landing page, e assim observar os próximos elementos desta mesma página de destino. E isso tem uma explicação: é muito comum que grande parte de usuários de internet só leiam o título de uma página ou conteúdo.

Assim, fisgar pelo título é meio caminho andado para o sucesso de seu projeto de landing page. Por isso é importante ser criativo e não somente reproduzir o título da sua oferta de negócio. No subtítulo você já deve detalhar um pouco mais qual oferta você propõe para o usuário.

Imagem destacada 

Se um título consegue chamar a atenção de um leitor, uma imagem bem escolhida, com destaque, consegue criar no usuário uma relação mais estreita entre ele e a landing page.

Não existe aqui uma regra mais objetiva, e para que a imagem seja um sucesso é necessário uma série de fatores, como associação da imagem com a oferta, a qualidade da imagem, a sua paleta de cores, e, sobretudo, o impacto que ela tende a causar em um leitor que acabou de chegar em sua página.

Uma imagem profissional, com uma boa definição, vai separar um projeto respeitado e com chances de sucesso, de um projeto amador, fadada ao fracasso. Só lembrando que a qualidade da imagem não deve ter relação com seu peso, que deve ser compactada para que a página não fique pesada e acabe por prejudicar completamente a conversão do usuário.

Descrição da oferta 

Já entendemos que o título é a parte mais impactante de sua landing page, pois normalmente é o que chama mais atenção do usuário. Porém, a importância de uma boa descrição da oferta é tamanha, que normalmente é aqui que o projeto já sabe se a página de destino terá êxito na conversão de um usuário para um potencial e futuro consumidor daquela oferta.

O texto da descrição precisa ser bom o suficiente para convencer o leitor a comprar o seu produto, adquirir o seu serviço, ou ao menos dar uma chance e garantir uma relação mais estreita com a sua marca a partir dali.

Nesta parte você vende a sua oferta e ao mesmo tempo se antecipa, tirando as dúvidas mais comuns que um usuário poderia ter ao se deparar com aquela landing page. 

Nessa parte de sua página de destino é importante você oferecer conteúdos complementares, como um vídeo explicativo da oferta ou uma pequena amostra do que o usuário pode ganhar se garantir que vai converter ao passo final de sua jornada naquela landing page.

Formulário 

Chegamos na parte final de uma landing page, que é o último passo antes da conversão propriamente dita. Perder um usuário depois de passar por estes três primeiros elementos é muito frustrante e por isso o empreendedor ou produtor de conteúdo deve ter um carinho especial pelo formulário.

Não existe aqui uma receita de bolo a ser seguida, mas é importante você ficar atento à quantidade de informações exigidas. Quanto menos informações se pedir, mais chances de conseguir uma boa conversão. E o contrário também vale: quanto mais informações você pedir no formulário, menores são as chances daquele usuário continuar seguindo em frente na conversão.

Assim, só peça o que for realmente essencial, e sempre tenha cuidado para que informações muito delicadas e sérias, com o CPF, não sejam exigidas em seu formulário.

Os benefícios de uma landing page 

Vimos até aqui, o que é landing page, aprofundamos em sua estrutura, além de algumas dicas que podem aumentar a taxa de conversão, mas não pense que acabamos por aqui.

Uma landing page possui uma série de benefícios para o seu negócio, e dentre estes podemos destacar:

  • Segmentação de contatos – Uma landing page consegue segmentar o lead, e assim o empreendedor conseguirá, através do conteúdo apresentado em sua página de destino, entender quem são os contatos que ficaram até o final ou não. Ter essas informações ajuda sobremaneira na criação de novas landing pages.

  • Reduz o custo para se construir uma boa lista de contatos -  Empreendedores e produtores de conteúdo sabem da dificuldade que é construir uma lista de contatos eficiente. Normalmente se faz uso de um investimento profissional neste quesito, o que aumenta muito o custo final de um projeto, de uma oferta ou de seu negócio. Assim, uma boa landing page consegue de forma direta, eficiente e com baixo custo, criar uma lista de contatos que vai permitir a você criar conteúdos específicos para eles e continuar o processo de conversão de venda.

  • Página temporária, mas uso contínuo - Um dos benefícios de uma landing page está no fato dela ser uma página temporária, que está ali por conta daquela oferta específica, que em algum momento irá desaparecer para dar lugar a outra oferta, ainda mais atraente para aquele usuário. Assim, a página é temporária e permite melhoras, pois se o seu negócio for bem sucedido, terá a chance de criar novas ofertas e assim novas páginas de destino para elas.

Como fazer uma landing page

Estamos agora na parte prática, que é a criação de uma landing page. E aqui temos basicamente duas possibilidades: a criação de uma landing page através de alguma ferramenta online, ou a contratação de um profissional que desenvolva manualmente a página de destino de seu projeto de maneira totalmente personalizada .

Escolher uma ferramenta para criar uma landing page traz uma vantagem, que é o fato dos modelos já terem sido testados em projetos de sucesso, e assim as chances de erros são menores.

Já a vantagem de contratar um profissional para desenvolver sua landing page é o fato dela ser 100% original, com a cara de sua empresa, de seu negócio, ou do produto que você comercializa.

Aqui na Vikings Digital, desenvolvemos sua landing page com a identidade visual da sua empresa, com todos os elementos necessários para aumentar suas conversões. Entre em contato conosco para mais informações.

Divulgando uma landing page 

Ok, criamos uma linda e eficiente página de destino para o seu negócio. Mas e agora, como fazemos para que os usuários comecem a aparecer?

Neste momento entra o trabalho de divulgação, uma etapa tão onerosa quanto todas as outras iniciais.

  • Incluir links internos – Uma possibilidade inicial é incluir links internos em seu site/blog direcionando os usuários diretamente para a sua página de destino. Isso pode acontecer no meio de seus conteúdos, e pode incluir banners destacados e atraentes, ou até mesmo pop-ups, ferramenta bem eficiente de conversão.

  • Redes sociais – Não há outra maneira mais eficiente nos tempos atuais do que usar as redes sociais, seja a de sua empresa, sejam as redes sociais pessoais do empreendedor. Neste sentido, Facebook, LinkedIn, Twitter, Tik Tok, Instagram e afins são ótimas ferramentas de divulgação de sua oferta.

  • Investir em artigos patrocinados – Você pode investir artigos patrocinados em sites e blogs que tenham um público similar ao teu público alvo e que já possua uma base de leitores e usuários fiéis.

  • Google ADS – Você também pode investir na área comercial do Google, que vai te proporcionar ganhos significativos de usuários para a sua página de destino.

  • Investir em SEO – Esse mesmo resultado que você pode obter pelo Google através de um investimento em dinheiro, você pode ter de forma orgânica e sem custo, somente com um bom trabalho de SEO, que é a chamada otimização para mecanismos de busca.

Usando SEO na sua landing page 

Imagine que você consiga ranquear bem a sua landing page no Google. Agora imagine a quantidade de visitas que irá receber, podendo converter muitos desses usuários em consumidores de sua oferta, e tudo isso de forma gratuita. Esse é o resultado de um bom trabalho de SEO.

Para isso, é importante seguir algumas dicas:

  • Escolher palavra-chave correta – Uma das principais escolhas que você deve fazer é na palavra-chave de sua landing page, que deve ter uma relação muito direta com a sua oferta, e que tenha alguma relação também com o formato da oferta (é uma vídeoaula, é um e-book, etc).

  • Desenvolvendo a palavra-chave – Com a palavra chave escolhida, é hora de inserir ela de forma orgânica e natural na descrição de sua página de destino. Inclua também a palavra-chave na área alternativa do título da imagem que você escolheu para inserir na página de destino.

  • Inserir palavra-chave nas configurações da página – Questão mais técnica, aqui vale colocar a palavra-chave no título da URL, na meta descrição, em toda a área de configuração possível.

  • Colocar seu link em artigos com sua palavra-chave – Se o seu site ou blog possui artigos que dão destaque a palavra-chave de sua landing page, então faça um bom trabalho de links internos e de artigos relacionados, e assim ofereça um pouco da autoridade de seu blog ou site para a sua página de destino.

Conclusão 

Uma das ferramentas mais úteis e produtivas dentro do marketing digital atende pelo nome de landing page. Se você possui um projeto, negócio, produto ou serviço, que se enquadra dentro da dinâmica de uma página de vendas, então chegou o momento de criar a sua landing page.

Explore outros conteúdos em nosso blog e comece a criar seu legado.


Compartilhar:

Posts Relacionados

Ver Categoria

Receba conteúdos exclusivo no seu e-mail, como notícias, eventos, ofertas e muito mais.

Por favor aguarde...

Obrigado!

Nosso oráculo recebeu sua solicitação. Fique atento para novidades em seu e-mail.

Solicitação Falhou

Nossos corvos não receberam sua requisição Por favor, tente novamente!

Voltar